Posts publicados

categorias: Receitas

Batata doce na alimentação infantil?

Claro que sim!!!

De alto valor energético a batata doce possui grandes quantidades de carboidratos, e podemos considera-la um superalimento para as crianças, ela faz parte do grupo dos tubérculos (vegetais que armazenam reserva nos seus órgãos subterrâneos), assim como a batata, a mandioquinha salsa, o cará, o inhame, a mandioca e seus substitutos.

Alem de dar o pique que as crianças precisam para se exercitar, brincar e estudar a batata doce ainda possui excelente valor nutricional que afeta positivamente a saúde dos pequenos.

VITAMINA A: Fundamental na visão, sistema imunológico, pele e divisão celular.
VITAMINA C: Excelente antioxidante que aumenta as defesas do corpo e a potencializa a absorção de ferro
VITAMINAS DO COMPLEXO B – NIACINA: Essencial nas reações de liberação energética.
FERRO: Faz o transporte do oxigênio no sangue, aumenta a imunidade, afasta a anemia, palidez, insônia e caries.
FOSFORO: Ativa as vitaminas do Complexo B, trabalha em dupla com o cálcio construindo o esqueleto e melhora nossa resistência orgânica.
POTASSIO: Importantíssimo para o bom funcionamento do corpo auxilia na hidratação e contração muscular.
A batata doce é rica em fibras, e por isso tem seu efeito funcional: Pois aumenta a absorção de nutrientes; Aumenta a velocidade do transito intestinal; Promove saciedade; Facilita o movimento do bolo alimentar; Auxilia na redução do colesterol sérico;

 TIPOS DE BATATA DOCE

1. Branca: conhecida como Angola ou Terra-nova, sua polpa não é muito doce e é mais seca que as outras.
2. Amarela apresenta um grau de doçura superior à branca.
3. Roxa de polpa e casca arroxeadas é a mais apreciada e muito utilizada em pratos doces.
4. Avermelhada conhecida como coração-magoado no nordeste, sua polpa é amarela com veios roxos ou avermelhados.

 BENEFÍCIOS DA BATATA-DOCE

1. Ótimo alimento para ser consumido antes do exercício por conter baixo índice glicêmico e assim ser lentamente absorvida, proporcionando energia constante durante atividades físicas, principalmente anaeróbias.
2. Grande aliada da saúde, pois é rica em importantes nutrientes;
3. Auxilia nos processos de emagrecimento e a controlar o açúcar no sangue.

 COMO ESCOLHER

1. Escolha as que se apresentem integras.
2. Evite as expostas a baixas temperaturas, pois apresentam seu sabor alterado.
3. Evite as raízes: Com início de brotação; Com podridão – dano patológico e ou fisiológico que leva à decomposição; Desintegração ou fermentação em qualquer grau; Murcha – desidratação visível; Esverdeamento; Queimadura – dano na polpa causado pela incidência direta do sol; Lesão – dano mecânico não cicatrizado com exposição da polpa; Deformação grave – defeito de formato que impeça o bom aproveitamento; pois reduzem seu valor nutricional e durabilidade.

 COMO CONSERVAR

1. Conservar em local seco, fresco até 15°C e bem ventilado por 10 dias; Neste caso,
2. Não é aconselhável colocar as raízes em saco de plástico, pois a brotação será acelerada e a durabilidade reduzida.
3. A batata-doce só deve ser mantida em geladeira por curtos períodos de tempo, na parte baixa e em sacos de plástico para evitar o ressecamento.

 COMO CONSUMIR

1. As batatas doces consomem-se cozinhadas: podem ser cozidas, assadas na brasa ou forno, na forma torta, purês, Paes, biscoitos, panquecas, doces, compotas, chips, etc.
2. Pode ser consumida no café da manha no lugar do pão, e com casca desde que bem higienizada;
3. É recomendável quando cozer a batata doce ser com casca através do cozimento por vapor para que não haja perda de nutrimentos hidrossolúveis, como vitamina C, B6 e ácido fólico.
4. Evite a batata doce frita, pois aumentara valor calórico e reduzira valor nutricional.
5. As folhas podem ser consumidas refogados ou em sopas.

 RECEITA - CHIPS DE BATATA DOCE GOURMET

chip efeito
Ingredientes:

• 2 Batatas Roxas cortadas Francesas
• 1 Batata Branca cortada a Francesa
• 4 Cravos da índia
• 1 Colher de (café) erva doce
• 2 Colheres (Sobremesa) óleo de coco orgânico
• 1 Colher (café) de canela
• 2 Colheres (Sopa) de açúcar mascavo
• Suco de uma laranja
• Pitada de sal

Modo de preparo:

Adicione as batatas em uma assadeira e regue com os temperos acima e 1 col. de sopa de açúcar mascavo, mexa e cubra com papel alumínio e leve ao forno 20 minutos. Retire o papel alumínio verifique se estão macias regue com óleo de coco, o sumo da laranja, e o restante do açúcar e volte ao forno por mais 15 a 20 minutos.

colaboradores- karyna-pugliese  Karyna Pugliese,
  Nutricionista Clínica e Esportiva - CRN 11651,
  Mãe do Ghad de 2 anos.
  www.clinicaolimpiadas.com.br
categorias: Receitas

Minha Gelatina Dr.Oetker

M@es,

Quem conhece a Minha Gelatina Dr.Oetker? Uma gelatina feita especialmente para crianças.

Gelatina remete nossa infância (pelo menos a minha) lembro que minha mãe fazia muito em casa, sempre tinha nas festinhas de aniversário e na escola.

Só que hoje nossa preocupação com a saúde dos pequenos é muito maior e sabemos de todo maleficio causado com a inclusão precoce de corantes e açucares na alimentação. Por isso a Dr. Oetker se preocupou em desenvolver a Minha Gelatina Dr.Oetker

Uma opção de sobremesa, simples, super prática e fácil de fazer, barata e nutritiva.

Minha Gelatina Dr.Oetker é feita com corantes naturais, açúcar orgânico e também é enriquecida com Vitaminas (A,B1,B2,B6 e D) e Minerais (Ferro e Zinco).

Os sabores disponíveis são:

– Abacaxi (com polpa de abacaxi e cenoura)

– Morango ( com polpa de morango e cenoura)

– Uva (com polpa de uva e beterraba)

 

minhaGelatina

Ideal é ser consumido por crianças acima de 1 ano, no máximo 1 porção ao dia.

Aqui sirvo como sobremesa, ofereço tanto na forma comum de preparo, como balinhas de gelatina.

balas de gelatina

 

Receita BALA DE GELATINA:

 

Ingredientes: – 1 xicara de água

                        – 3 caixinhas de Minha Gelatina Dr.Oetker no sabor escolhido.

 

Modo de preparo: Misturar o pó com a agua no fogo por 3 min (somente o tempo suficiente para derreter) e depois colocar em forminhas de silicone.

1 hora na geladeira já é tempo suficiente para desenformar e servir.

 

Este post é um publieditorial

 

categorias: Decoração, Receitas

Brigadeiro e suas diferentes versões

Ahhh o brigadeiro…. como não gostar???

Desde a infância a bolinha marrom com granulados é sucesso garantido e SEMPRE presente nas comemorações da maioria dos brasileiros.

Brigadeiro é um doce típico da nossa culinária.

Os ingredientes para a receita tradicional são: leite condensado, chocolate em pó, manteiga e chocolate granulado para a cobertura. É possível fazer no fogão ou mesmo no forno de micro-ondas.

**A origem do nome brigadeiro é desconhecida. Uma história popularizada a partir dos anos 19802 afirma que o nome seria uma homenagem ao brigadeiro Eduardo Gomes, liberal, de físico avantajado e boa aparência. Nos anos de 1946 e 1950, o militar se candidatou à presidência da República pela UDN. O candidato conquistou um grupo de fãs do Pacaembu, bairro de São Paulo, que organizaram festas para promover sua candidatura. O doce teria sido criado durante a primeira campanha do candidato à presidência, pela conservadora UDN, logo após a queda de Getúlio Vargas. A guloseima feita de leite, ovos, manteiga, açúcar e chocolate tanto agradou que, numa das festas de campanha, foi feito o doce para arrecadar fundos. Há outras versões bastante similares a essa sobre a origem do nome do doce: mulheres do Rio de Janeiro, engajadas na candidatura de Gomes, faziam “negrinhos” que vendiam para ajudar o fundo de campanha; outros diziam que Heloísa Nabuco, de tradicional família carioca que apoiava o brigadeiro, criou um tipo de doce, ligeiramente diferente da versão atual, e o denominou com a patente do candidato preferido. Como as festas dos correligionários e cabos eleitorais eram muito disputadas pela população, estes logo começaram a chamar os amigos para irem comer o “docinho do Brigadeiro”. Com o tempo o nome de “brigadeiro” teria sido dado ao doce (mais tarde feito com leite condensado). Apesar do apoio recebido, a eleição foi vencida pelo então general Eurico Gaspar Dutra. ** fonte: wikipedia

Hoje a versão já ganhou outras receitas, adequando o sabor e textura dos paladares mais simples aos mais exigentes.

Vamos mostrar algumas formas de servir e a receita especial de brigadeiros gourmet

Isso sem falar nas diferentes combinações e possibilidades de sabores, isso fica para um próximo post.

 

Brigadeiro de colher com granulados - Pinterest

Brigadeiro de colher com granulados – Pinterest

Brigadeiros de colher - pinterest

Brigadeiros de colher – pinterest

Brigadeiros de colher com raspas de chocolate

Brigadeiros de colher com raspas de chocolate

Cones de brigadeiros variados - Pinterest

Cones de brigadeiros variados – Pinterest

Espetinho de brigadeiros - Pinterest

Espetinho de brigadeiros – Pinterest

Taças de brigadeiro - Pinterest

Taças de brigadeiro – Pinterest

Versão Pump de brigadeiro - Pinterest

Versão Pump de brigadeiro – Pinterest

brigadeiros-e-suas-variações-8

brigadeiros no tacho da Bake the Cake

 

Receita Brigadeiro Gourmet Maria Brigadeiro

(fonte: http://entretenimento.band.uol.com.br/diadia/receita.asp?n=O-fant%C3%A1stico-mundo-gourmet-da-Maria-Brigadeiro&r=19494 )

Ingredientes

1 lata de leite condensado

3 gemas de ovo caipira

1 colher (sopa) de manteiga extra

3 colheres (sopa ) de chocolate em pó

Raspas de um bom chocolate para confeitar

Modo de preparo:

Coloque água para ferver em um panela e cozinhe ali uma lata (fechada) de leite condensado por 30 minutos. Espere esfriar um pouco (o conteúdo fica quentíssimo), abra a lata e despeje seu conteúdo em outra panela, com as gemas, a manteiga e o chocolate em pó. Misture bem, leve ao fogo e mexa sem parar até formar uma bola (sim, minha avó escreveu “bola”). Quando estiver frio, faça bolinhas com essa massa, passando-as, em seguida, em raspas de chocolate.


E ai??

Escolheu qual o tipo de brigadeiro que vai degustar primeiro???

Ahhh e Jamie Oliver que me desculpe mas…. #sabenadainocente

categorias: Receitas

Biscoito amanteigado delicioso

Meninas, precisávamos enviar para escola um prato de doce para festa de Páscoa.

Queria alguma coisa que eu e o Miguel fizéssemos juntos. Pedi no grupo algumas receitas de biscoito (já testei outras aqui em casa) e encontrei essa.

Estou compartilhando aqui porque a receita é MARAVILHOSA e a brincadeira foi muito legal!

PS: ele foi ontem pra escola todo orgulhoso com sua caixa de biscoitos de dinossauro.

receita-formaesreceita-formaesreceita-formaes

 

Tempo de preparo: 40min

INGREDIENTES

9 colheres de amído de milho
9 colheres de farinha de trigo
5 colheres de açúcar
6 colheres de manteiga

MODO DE PREPARO
Misturar bem até soltar das mãos.
Fazer bolinhas e amassar levemente na assadeira (não precisa untar)
Leve ao fogo médio por aproximadamente 35 minutos

 

A massa é bem fácil de usar, gostosa e desmancha na boca. Vale a pena fazer!!!!

Foi uma farra só!

Dica: procure cortadores legais, abra a massa e faça os moldes.

 

receita-formaes receita-formaes

categorias: Receitas

Tem criança na cozinha – segunda temporada

Olá meninas, não sei vocês, mas aqui em casa cozinhar com o pequeno é uma atividade que sempre rende além da bagunça muitas risadas. Adoramos fazer juntos!!!!

Por isso resolvi avisar sobre a nova temporada do programa “Tem criança na cozinha”, que é uma grande inspiração na hora de escolher as receitas e dividir essas três, muito legais para quem quer começar a se aventurar:

formaes formaes formaes

O programa estréia dia 17 de março.

A atração do Gloob que mostra a desenvoltura de três crianças, Luisa Giesteira, de 16 anos, e seus ajudantes, Luigi Montez e Eduardo Martins, ambos com 10 anos, na cozinha. Serão 26 novos episódios que vão ao ar de segunda a sexta, às 19h30.

Cada dia o trio vai mostrar uma nova receita doce ou salgada para a garotada aprender e repetir em casa com a família.

Uma das novidades desta nova temporada é a participação especial de outras crianças, algumas delas adeptas de uma alimentação diferenciada. A intenção é abordar temas como intolerância à lactose e glúten, comida vegetariana e diabetes. Outro destaque é que, uma vez por semana, o trio de chefs vai mostrar no ar uma receita enviada pelo público para o site do canal. Ao todo, foram 10 receitas escolhidas.

A fofa Luisa Giesteira, acredita que as pessoas vão notar uma evolução natural nas receitas. “Os pratos estão mais elaborados, mas nós também adquirimos mais prática na cozinha”, avalia. Luigi concorda, mas ressalta que o programa mantém a preocupação em não apresentar sugestões muito complexas. “O programa estimula as crianças a aprenderem a gostar de comida. Temos essa preocupação porque o objetivo não é só a criança cozinhar, mas também ser uma atividade em família”.

 

 

2ª TEMPORADA DE “TEM CRIANÇA NA COZINHA”
ESTREIA: 17 DE MARÇO, SEGUNDA-FEIRA, ÀS 19H30, NO GLOOB
Horário principal: segunda a sexta, às 19h30
Horários alternativos: segunda a sexta às 12h45, sábados às 12h30 e 21h30 e domingos às 11h30 e 17h45
Classificação Livre

 

*Crédito Juliana Coutinho/Divulgação Gloob

 

categorias: Receitas

Antes de matar uma fada clique aqui!!!

formaes

Diz a lenda que cada vez que uma mãe da “miojo” (macarrão instantâneo) para uma criança, morre uma fada!

É bemmm dramático mesmo, mas essa é a intenção!!!

Antes de sair matando fadas por ai, preparamos esse post cheio de receitinhas que salvam os dias de correria.

Pra quem quiser saber mais sobre os motivos de não se render ao preparo em 3 minutos, clique aqui.


Macarrão cabelinho de Anjo com brócolis

formaes

 

250 gramas de macarrão cabelinho de anjo

2 floretes de brócolis

1 Dentes de alho

Meio copo de leite, leite de soja

Queijo parmesão ralado

Azeite

Sal

 

Modo de preparo:

Coloque a massa para cozinhar

Enquanto você espera, pique as florzinhas de brócolis em partes menores e colocar à parte.

Descasque o dentes de alho e reserve.

Antes de terminar o cozimento do macarrão, coloque o brócolis picado na panela de macarrão e deixe ferver juntos.

Enquanto cozinha o macarrão e brócolis, aqueça uma colher de sopa de azeite  numa frigideira grande em fogo baixo e coloque os dentes de alho. Mantenha o fogo baixo, assim o alho vai ter tempo para dar sabor.

Despeje o macarrão escorrido e brócolis na frigideira com óleo quente e o alho em fogo baixo e acrescente o leite.

Adicione sal a gosto e sirva.

 

 

 Mini penne na manteiga com ervas

Mini penne ao limão

 

1 punhado de mini penne

1 colheres de sopa de manteiga

Manjericão a gosto ou só cheiro verde

Sal a gosto

 

MODO DE PREPARO:

Ferver a água para cozinhar o macarrão com um fio de azeite e uma pitada de sal

Acrescente o macarrão e prepare-o até que fique al dente

Escorra o macarrão mas não lave-o

Coloque em um recipiente e acrescente as ervas e a manteiga já fora do fogo.

 

 

 Macarrão ave maria com frango e legumes

formaes

 

– frango em cubos médios ou desfiado

– macarrão ave maria

– 1 cebola pequena cortada

– tempero verde a gosto

– ervilha

– milho

– cenoura ralada

– abobrinha ralada

– sal a gosto

 

MODO DE PREPARO:

Refoque a cebola e todos os legumes, depois acrescente o frango já cozido em cubos.

Ao mesmo tempo cozinhe o macarrão e depois misture com o preparado. Regue um fio de azeite e sirva.

 

 

 Omelete com queijo branco

formaes

– 2 ovos

– queijo minas em cubos

– sal a gosto

 

MODO DE PREPARO:

Corte o queijo minas em cubinhos,

Numa vasilha bata os ovos com um garfo e incorpore o queijo

Numa frigideira antiaderente, coloque os ovos misturados.

Quando a maioria do omelete estiver numa consistência fácil de virar, pegue uma tampa maior ou igual a frigideira e use como apoio para virar e fritar dooutro lado.

 

Bom feriado!!!!

Beijocas

Rê Costa