categorias: Mãe da Semana

Yasmin Cortez Scutti

Antes de contar minha histórica preciso, claro, agradecer a Renata e Kiki pelo convite! Uma honra! Obrigado por criarem o 4M@es! Nesse grupo ri, chorei, orei, aprendi a não julgar as mães e conheci pessoas maravilhosas que passaram de amigas virtuais para amigas pessoais! Fora as de outros estados e países! 4m@es é mundial! <3

Não sei por onde começar… Mas vamos pelo começo! Rs…
Desde que me conheço por gente quis casar e ter filhos! Sempre sonhei em ter minha casa, minha família enfim, minha vida! Talvez por isso passei quase minha adolescência toda namorando! Claro! Aproveitei com minhas amigas, sai bastante, tive minha fase solteira… Mas sempre à procura do meu príncipe! Eis que ele apareceu! Numa festa da medicina da UNIFESP (ambos fizemos pós graduação lá!) o encontrei… e depois de só dar foras nele (kkk! Vai me matar quando ler isso), resolvi ceder e ficamos! Ele pegou meu celular e gravou no dele como Yasmin Scutti, segundo ele, seria comigo que ele se casaria! Não sei se ele já usou essa cantada antes… mas deu certo! Exatamente um ano depois estávamos nos casando! Como a maior parte da minha vida foi agitada, o processo de formação da família não foi diferente! Decidimos parar de evitar a gravidez antes do casamento, achávamos que a Catharina demoraria a aparecer… Mas no primeiro mês, ela surgiu… Adiantamos o casamento! Me casei grávida de 3 meses numa cerimônia e festa mais linda que já vi <3 !
Ao contrário do que muitas m@es falam por aqui, minha gestação foi péssima! Passei mal do primeiro ao último dia e o 4M@es foi ótimo para dividir minha angustias, dúvidas e das rizadas também! Definindo… meus filhos são a melhor coisa da minha vida, a gestação, a pior! Rsrsrs…

Por meio desse grupo maravilhoso percebi que havia alguma coisa de errado comigo, tinha (e tenho) uma vida “perfeita“ e sempre estava muito mal! Eis que com 34 semanas de gestação resolvo me abrir para minha médica que as coisas não estavam indo bem na minha cabeça, e ela foi clara ao dizer que isso não existia! Corri dela! Só eu sabia o que estava passando! Cheguei ao meu GO (que hoje é meu médico) e estava em depressão! Resumindo… Tive depressão gravídica e pós parto… Super grave! Ainda faço tratamento… Mas estou 100%! Hoje posso dizer com maior segurança que, se não fosse meu marido e minha família, não estaria aqui para contar história! As mães que passam por isso, só tenho uma coisa a dizer… SIM! VAI PASSAR! =)
Nesse meio tempo descobri também minha pequena alérgica alimentar múltipla (não vou valorizar isso aqui rs! Sim… APLV!), me mudei de casa 2x, tive momentos bons e ruins com meu marido, e decidimos ter outro bebe! Me senti no direito de tentar curtir uma gravidez! Não curti de novo! Mas foi muito melhor! <3 Não passei tão mal, consegui, em sociedade com meu irmão, abrir nosso próprio negócio e trabalhei até o final da gestação, quando entrei em trabalho de parto prematuro. Pois bem, seguramos e, de 38 semanas, nasceu meu Thales que hoje tem apenas 21 dias de vida! Vamos indo muito bem obrigado! SUPER apoio a vida com 2 filhos! É emocionante ver o carinho que a Catharina tem com o irmão… “nenê“ prá lá e prá cá! É uma delícia! E olha que eles têm apenas 1 ano e 6 meses de diferença! 

 

 

Eu era: Mimada (mais ainda!), imediatista, ansiosa e pior, intolerante. Baladeira e um pouco inconsequente.

Depois da maternidade, eu sou: mais paciente, MUITO mais tolerante e QUASE uma cozinheira de mão cheia kkkk! Tento me manter baladeira… mas com 2 é impossível! rsrsrs

Como descobriu a gravidez – primeira: num exame de sangue trabalhando no hospital (sou fisioterapeuta), depois de um beta negativo, uma semana depois um positivo! Chorei de felicidade… ao ligar para meu marido as palavras dele foram “espera ai que estou procurando um lugar para eu desmaiar!“ rsrsrs…
Segunda: Estávamos num congresso em Natal e, no ultimo dia de viagem, fiz 2 testes de farmácia… positivos! Marido não acreditou! Chegando em São Paulo, fiz o beta e estávamos esperando o segundinho!

Pretende ter outros: Se tivesse barriga de aluguel e eu fosse rica… quem sabe? Rs… Mas na atual fase, não! Fecharemos a fábrica!

Trabalha: Sim, mas estou de licença.  A pequena fica com a babá em casa, ainda não vai à escola… Optei por isso pois não tenho horário fixo e pela alergia alimentar.

Melhor distração: sem dúvida o facebook, whatsapp e ver tv… Quando podia… gostava mesmo era de sentar num bar e tomar uma cerveja com marido… Daqui um tempo voltamos a fazer isso rs…

Ícone: clichê mas… sem dúvida, meus pais! Meu marido também!

Ser feliz é: simples! Dia a dia, rotina! Ter meus pequenos saudáveis do meu lado! Minha família unida!

O maior sonho: Além de ver meus filhos crescerem saudáveis, ir com a família toda para a Disney!

Horas de sono por noite: Com RN em casa? Rs… 6hs interrompidas pelas mamadas…

Horas que curte o marido: Quando ele está de férias ou aos finais de semana!

Uma dica para as futuas m@es: simplicidade, sling (faz milagre) e ROTINA!

Uma receita infalível para os pequenos: muito carinho, amor e ROTINA (de novo rs)

Um programa inesquecível: nossa viagem para Natal!

A viagem perfeita com os pequenos: Disney… ainda estaremos lá!

Yasmin X Yasmin: Sou escorpiana (define muita coisa!), otimista, crê em Deus acima de todas as coisas, fácil de agradar (há quem diga o contrário rsrs) enfim! Sou menina, mulher, mãe, amiga… tento ser um pouco de cada todos os dias!

yasmin-cortez-scutti yasmin-cortez-scutti-1 yasmin-cortez-scutti yasmin-cortez-scutti

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

1 comentário

  1. Re Quintino

    Tb tive depre pós parto e me identifiquei muito. …Parabéns por abrir algo tao intimo…..