categorias: home, Mãe da Semana

Pri Ali

 

pri ali

Primeiro queria agradecer a Re e a Kiki pelo incentivo de fazer e cuidar do 4 mom’s.

Quando o Noah nasceu eu sentia muita falta dessa troca de experiências, e assim sem saber direito como era ou funcionava eu comecei a participar do 4 mom’s e nem imaginava a ajuda que essas mamaes me dariam!

Obrigada mamães que fazem do meu mundinho aqui um pouco mais perto do mundinho daí!!

Eu era: Magra, bonita e bem cuidada rsrsrsrs

Depois da maternidade, eu sou: Gorda e mal cuidada, rsrsrs brincadeiras a parte não acho q eu mudei muito após a maternidade, sempre fui meio mãezona com amigos,  talvez hoje eu seja mais precavida, mais medrosa com o que possa acontecer com o pequeno.

Como descobriu a gravidez: A gravidez foi planejada, parei de fumar em nov/2009, parei a pilula em dez/2009 e em abril/2010 fomos fazer uma viagem (onde fiz tudo q nao devia) e qdo voltamos de viagem eu fui pra casa e o maridon foi buscar pizza pro jantar, nesse meio tempo fiz o exame ja q a minha menstruação não tinha descido, e logo veio o positivo, maridon chegou com as pizzas e eu com o teste na mão, nem preciso dizer q as pizzas foram parar no chão rsrs

Pretende ter outros: Gravidíssima do segundinho, 12 semanas com direito a muuuuito enjôo e cansaço

Trabalha: desde q o Noah nasceu eu parei de trabalhar, estava apenas ajudando o maridon nos negócios dele, home office.

Em caso positivo, onde fica o filhote: Agora em casa comigo 24/7!!!!

Por que optou por isso: Aqui na Austrália o sistema é bem diferente, a escolinha até os 5 anos é muito cara, e se paga por dia. O Noah ia 2x por semana, agora que voltamos de férias estamos esperando na extensa lista de espera, mas pro ano que vem pretendo coloca-lo 2x na semana de novo.

Melhor distração: Praia, sempre praia!!! Não vivemos sem.

Ícone: Meu pai, uma pessoa q lutou na vida, venceu e construiu uma familia linda. Tenho o maior orgulho dele!

Ser feliz é: Viver em paz com suas escolhas, nem sempre elas são fáceis ou as mais corretas, mas tenha certeza q foram feitas com amor e paz no coração.

O maior sonho: Quero muito levar o pequeno pra Disney, mas o sonho só será completo se formos com a familia toda junto, sobrinhos, avós, tios todos juntos!!

Horas de sono por noite: Tive muita sorte, o Noah dorme a noite toda desde os 3 meses de idade, eu durmo de 7 a 8 hs por noite. Lucky!!

Que horas curte o marido: É muito difícil pra gente sair, se curtir fora de casa, não temos ninguem por perto então não da pra sair sem o Noah, mas a gente passa bastante tempo juntos.

Uma dica para as futuras mom´s: As vezes as coisas não saem como a gente planejou, mas isso não quer dizer q não vai dar certo, pq no fim td da certo. E julgar menos, a gente não sabe “dos calos” da vida dos outros então ao invés de julgar a gente deveria sempre tentar entender o pq!!

Uma receita infalível para os pequenos: No meu caso foi a rotina, rotina rotina!!!! A rotina com certeza fez meu filho ter segurança pra saber “what comes next”

Um programa inesquecível: Acho q todos aqueles q são feitos pela primeira vez são inesquecíveis,

O primeiro “show” q levamos o Noah foi muito marcante ele amou! Foi o Disney Live!! Foi presente de 02 anos que demos a ele.

A viagem perfeita com os pequenos: Acredito q ja moramos num lugar q faz das nossas vidas serem sempre uma viagem perfeita, sabe qdo vc acorda e ve q (na grande maioria dos dias) sua vida é melhor q no seu sonho!! É Um pouquinho assim

Pri X Pri:

Sempre fui uma pessoa tranquila, q sonhava em namorar, casar, ter filhos, tudo dentro do figurino,  mas no , comeco de 2005 eu tinha terminado um namoro de longo tempo e estava mto desanimada com o trabalho, me vi bem perdida, entao resolvi com 27 anos encarar um intercâmbio pra Austrália,

Quem me conhece sabe que nunca tive desejo de morar fora, sempre fui muito apegada a familia, entao fui chorando, com um medo enorme, do Brasil até a Austrália,  passar  6 meses estudando inglês.

Chegando aqui tive muita sorte das pessoas q cruzaram meu caminho nessa jornada.

Conheci meu marido (brasileiro tb e morava aqui já tinha um ano) logo que cheguei , e aos trancos e barrancos, idas e vindas,  fomos morar juntos em 2007 (foi um susto dividir a casa com outro homem!! e ainda 4 anos mais novo) em 2008 mudamos de cidade e em 2009 fomos pro Brasil nos casar, tudinho do jeito q sonhei, na praia.

Em 2010 engravidei do Noah, nós queríamos, planejamos, mas mesmo assim foi um susto!!

Tive uma gravidez super tranquila, linda, apesar de ter engordado mais de 20kg, em pleno verao australiano!!

Meus pais vieram pro nascimento do Noah, q estava previsto pra 01/01/2011, e lógico q o Noah decidiu esperar pra nascer, e nessa meu pai foi trocando o dia da passagem dele de volta, depois de duas trocas, ele nao poderia mais trocar e dia 06 tinha q voltar ao Brasil.

No dia 05 minha bolsa começou a vazar, esperamos mais a noite toda e nada, e no dia 06 fui internada pra fazer a induçao na veia, tomei também a epidural e nessa fiquei o tempo todo presa na cama, eu ali esperando meu bebe nascer e vendo meu pai ter q ir embora sem ao menos conhecer o neto, e assim ele foi de volta ao Brasil, choramos horrores….pra minha sorte minha mae ficou mais um mês comigo!!! assim com as emoçōes a solta o dia foi passando e finalmente a noitinha minha médica disse que estávamos prontos pra começar (jura? começar ?!? rsrsrs).

comecei a sentir dores horríveis, e pedi pra chamarem o anestesista pra ajudar com a dor, e lá fomos nós pra hora do “push push” depois de muitos push push tentamos o extrator a vácuo mas nada feito (arrebentou na cabeça do Noah) então tentamos o  fórceps e qdo eu achava q “agora vai” minha médica disse q não ia dar e então corremos pra cesárea de emergência…

A partir daí  foi td mto rápido, confuso e com mto medo, eu estava exausta, num país q não era o meu com a língua q nao era a minha, mas graças a Deus tudo deu certo e meu pequeno grande Noah nasceu as 11:29 da noite no dia de Reis, pesando 3,9 kg e 55 cm (!?!).

E nessa noite eu não senti aquele amor súbito e lindo q tanto me falavam, meu leite demorou mais de 5 dias pra descer e tive problemas pra amamentar por conta de uma cirurgia no seio,  mas qdo voltamos pra casa as coisas foram se encaixando, minha mãe foi me ajudando e a hora q eu relaxei eu comecei a sentir todo esse amor de q tanto ouvi falar.

Por isso o melhor é não criar muitas expectativas, hoje eu faria tudo diferente, mas acho que esse é um dos preços que se paga por estar longe da sua cultura.

Enfim, o mais  engraçado é q se alguém me perguntasse há 10 anos atrás ou a qq amigo meu como seria minha vida dali 10 anos, com certeza a resposta não seria casada na Austrália, mãe de (futuramente) 2.

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

7 comentários

  1. luciana shimoda

    Pri!!!! Ja conhecia mais ou menos a sua historia, mas adorei ler ela aqui
    Super mae apaixonda pelo lindo Noah com cara de menininha, eh assim que te vejo, parabens pela familia, pelo Noah, pelo bb que esta a caminho e parabens pela pessoa meiga e delicada que eh. Bjs

  2. Thais

    Pri,
    Me identifiquei bastante com sua historia. Primeiro pq ate com passagens compradas para or morar na Austalia ja estavamos (eu e meu marido) na epoca ainda sem filhos. Acabou que tivemos uma proposta para vir para os EUA e fomos para a AUS so passear.
    Tb tive 2 filhos longe da familia, pois minha mae nao chegou a tempi do primeiro parto, ja que adiantou bastante e o segundo ela nao pode vir pq minha avo estava doente e ela eh filha unica!
    Nao eh facil, mas damps conta do recado!
    Pela descricao da sua vida eh parecida com a vida aqui, todos os lugares temos que levar nossos pequenos, ja que nao temos familia e bem com quem deixar.
    Boa sorte para vc e sua familia.
    Bjs

  3. Fabiola Donato Trevisan Thamer

    Linda !!!

  4. Pri

    Obrigada meninas!!!! vcs sao mto queridas!!!

  5. Daniela Calil

    E eu lendo tudo isso…. e só vinha na minha cabeça aquela minha amiga do “Guarujá”…. que conheço há tantos anos……. PARABÉNS PRI!!! QUE PAPAI DO CÉU CONTINUE TE ABENÇOANDO! LOV YOU….. (mesmo de longe) :)

  6. Pri

    Dani!! Obrigada!!!! Vc tb neh! Lembro de vc e sua irma brincando na piscina….e vc agora maezona linda!! Parabens pra todas nos!!!!
    Bjao

  7. Simone Pompeo Puga

    Priiiiiii, q chique minha amigona moms da semana…. Parabéns…Eu posso dizer q sou uma pessoa privilegiada de ter vc como amiga… Eu acompanhei muito a sua história e posso dizer com todas as palavras q eu tenho muito orgulho de vc, eu tinha certeza q a viagem para a Austrália não ia dar certo justamente por vc ser essa pessoa apegada a sua família, e vc mostrou uma mulher guerreira e batalhadora… Uma maezona maravilhosa…. Sinto muito a sua falta aqui, boa sorte agora com seus dois pimpolhos e vc sabe do que vc precisar estou aqui … Bjos enormes